Debate constituinte inclui 44.490 centros educativos do paĆ­s

Caracas, 19 May. AVN.- O presidente da República, Nicolás Maduro, anunciou que a partir desta quinta-feira 44.490 espaços educativos em todos os níveis do país serão centros para o debate sobre as propostas educativas para a Constituinte.

O chefe de Estado explicou que serão 56 universidades, 3.246 liceus, 18.778 escolas, 1.600 instalações do Instituto Nacional de Capacitação e Educação Socialista (Inces); assim como 1.100 sedes da Missão Sucre, 24.600 da Missão Ribas, e 19.710 da Missão Robinson.

"Todos estes centros estão ativados como espaços democráticos de participação e protagonismo constituinte. O objetivo é que sejam postulados líderes estudantis que já tenham 18 anos e que contem com seus deputados constituintes a partir destes centros", destacou durante o relançamento do Programa de Alimentação Escolar (PAE), no Forte Tiuna..

Maduro reiterou que o poder constituinte originário é necessário para o fortalecimento da República independente e de caráter social, além da consolidação da paz do país.

"Tudo o que façamos tem que ser enriquecer o caminho do processo popular constituinte. A Assembleia Nacional Constituinte é processo de liberação do imperialismo e dos ataques da ameaça fascista realizada pela direita venezuelana", ressaltou Maduro.

O presidente instou a juventude venezuelana a constitucionalizar os direitos deste setor conquistados durante a Revolução Bolivariana, através do processo da Assembleia Nacional Constituinte.

"Temos que ativar o processo popular constituinte, o debate, o estudo da Constituição, as ideias sobre o novo capítulo da juventude e os estudantes. Um capítulo único, especial para a juventude. Vocês vão escrever isto", afirmou.

Nicolás Maduro exortou todo o setor educativo a formar as novas gerações, com os valores do amor, respeito e tolerância.